Lifestyle

Fim-de-semana a Norte | Chegada

  • Março 31, 2019

Há algum tempo que queria ir conhecer algumas cidades do Norte. Acho que devemos conhecer bem o nosso país (que tem sítios lindos) e não andarmos sempre a viajar para fora. E contra mim falo que a maior parte das vezes são para fora. Desta vez quis começar o ano a conhecer um bocadinho mais e melhor o meu país.

As cidades eleitas foram: Ponte de Lima, Braga e Aveiro, por esta ordem. De cima para baixo. Surgiu a oportunidade de ficar no Stay Hotel Porto Centro Trindade e não disse que não. É sempre bom voltar ao Porto. E o hotel é mesmo central.

Comecei por pedir um dia de férias. Achei que só 2 dias para 3 cidades seria pouco. Queria explorar. Conhecer sem pressas. Então a ideia foi, ir sexta-feira depois do trabalho, sábado ir a Ponte de Lima, Domingo a Braga e Segunda-feira passear por Aveiro. E assim foi!

Sexta-feira dia 18 de Janeiro, fui buscar o meu companheiro de sempre, o Seat e rumámos ao Porto. Desta vez fui num Seat Ibiza Champanhe que eu sou apaixonada. Adorei a cor deste carro já em 2017 quando ele foi lançado.

A viagem foi rápida, só demorei mais a sair de Lisboa. Cheguei ao Porto perto das 23h. Só me apetecia conforto, e uma boa cama. Foi isso que encontrei no Stay Hotel Porto Centro Trindade. Para além de ser no centro da cidade, tem algum estacionamento à porta (e um parque pago ao lado) e é aquilo que precisamos para este tipo de viagem em que se passa muito mais tempo fora do hotel. Um bom duche e uma boa cama para dormir e descansar para o dia a seguir.

Foi a minha primeira vez num hotel do grupo e confesso que me surpreendeu. O quarto era bastante espaçoso, luminoso, com espaço de arrumação para tudo (sem terem de ficar malas à vista), e com um design super moderno (adorei a simplicidade misturada com a modernidade).

A casa de banho tem um tamanho óptimo, espaço de bancada para nós mulheres colocarmos tudo o que precisamos em cima e com uma base de duche que não apetecia sair de lá, toalhas macias e cheirinhos muito bons. Outro aspecto que apreciei muitoooo foi o chá. Em todos os quartos o Stay Hotel deixa para os hóspedes chás, copos e a chaleira. Digo-vos, depois de um dia inteiro fora, a passear, um chá bem quentinho aquece-nos o coração. <3 E no primeiro dia em Ponte de Lima, apanhei uma das maiores molhas da minha vida, por isso, chegar ao hotel foi como chegar a casa. E que melhor sensação podemos ter?

A cama e as almofadas, ai! Nem vos digo! Aliás, digo. São: M A R A V I L H O S A S ! Já dormi em muitos hotéis, com mais ou menos estrelas mas… Este colchão e estas almofadas são qualquer coisa. Não estranhei a cama, não acordei a meio da noite, não fiquei com dores. Só fiquei com uma coisa, vontade de não sair de lá. Foi difícil acordar todos os dias às 7h da manhã para mais um dia, porque vontade de sair da cama era zero tal era o conforto.

Posso também mencionar a limpeza. Nas três noites que lá dormi, encontrei sempre o quarto arrumado e limpo quando cheguei. E como ficámos no 6º andar, a vista do quarto ao amanhecer era belíssima. 🙂

Vamos agora ao pequeno-almoço, uma das melhores partes dos hotéis. Correcto? E este não desiludiu em nada. Sala de pequeno-almoço bem grande, num estilo meio industrial que eu adoro e acolhedora. A variedade era imensa e o difícil foi escolher o que me apetecia. Ou se conseguia comer tudo o que me apetecia.

Vários tipos de pão, de leite, de fruta, bolos, chá, café, doces, manteiga, iogurtes. Tudo com óptimo aspecto.

Todo o hotel tem Wi-fi e funciona muito bem. Não teve falhas, consegui publicar as fotografias no Instagram sem problemas.

Apesar de não ter utilizado, o Stay Hotel Porto Centro Trindade tem uma zona de lazer onde podemos ler, estar ao computador ou apenas descansar.

Todos os funcionários foram atenciosos e fizeram com que a minha experiência se tornasse ainda melhor. Obrigada! 🙂

A próxima viagem é no final de Abril para Coimbra, Luso, Buçaco e Lousã. Será que o Stay Hotel Coimbra vai ser o eleito? 🙂

Até já.

Comentários

Deixe um comentário