Lifestyle

Associação Inês Botelho

  • Maio 20, 2012

 Hoje na Well’s conheci a Associação Inês Botelho, uma associação sem fins lucrativos e de âmbito nacional, nasceu a 25 de Janeiro de 2008 como o realizar de um sonho muito querido: o de homenagear a Inês, que após 2 anos de luta e esperança, faleceu de uma leucemia em Fevereiro de 2005, com apenas 12 anos de idade. 

 

 Muitas pessoas foram tocadas pela Inês, pela sua força e pela sua luz, desde médicos, enfermeiros e educadores a qualquer pessoa que se cruzou com esta menina com um coração do tamanho do mundo e uma vontade de viver sem igual…

 

 Esta associação é uma união dessas pessoas que, em sua honra se juntaram para levarem o “sorriso da Inês” a todas as crianças que, como ela, têm de lutar quando deviam era brincar e têm de abdicar da sua infância mais cedo do que deveria ser permitido. 

 

 A Associação fica localizada em Lisboa na rua Augusto Abelaria, Lote 12 Loja D, 1600-207

mas todos podemos ajudar, podemos ser dadores de medula, existem diversos pontos onde nos podemos dirigir para ajudar, a senhora a mim só me falou no Hospital Distrital de Faro  pois estou no Algarve, todas as segundas-feiras, mas para quem não for do Algarve existem mais três locais: 

 

  • Centro de Histocompatibilidade do Sul- Alameda das Linhas de Torres, nº 117 1769-001 Lisboa
  • Centro de Histocompatibilidade do Centro – Edif. S. Jerónimo – 4º piso Praceta Prof. Mota Pinto 3001-301 Lisboa 
  • Centro de Histocompatibilidade do Norte – Pavilhão “Maria Fernanda” Rua Roberto Frias 4200-467 Porto

 Eu e a minha mãe ficámos sensibilizadas e ela contribuiu com 4€ (é pouco, mas tudo ajuda), e adquirimos um pin, que eu vou guardar com muito carinho e lembrar-me de todas as “Inêses” que por esse mundo fora existem.

 

Se puderam ajudar monetariamente ajudem, se não conseguirem ou não puderem façam-no sendo dadores de medula, a Inês já não podem ajudar, mas certamente ajudarão tantos outros!!!

 

1 Comment

  • Anónimo

    Fiquei muito sensibilizada pelas vossas palavras, pelo vosso donativo e por divulgarem outras formas de ajudar.
    É assim que passando a palavra se podem apoiar tantas crianças e adultos que necessitam.
    Um grande Bem ham !
    Isabel

    Reply

Leave a Reply